Notícias CPPMI   


Com objetivo de dar transparência as ações da Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres de Itajubá, vamos divulgar nesse espaço nossos ações, projetos e resultados.

Fique a vontade e boa leitura!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS!!!

- 6 de Dezembro de 2016

Campanha do Laço Branco

 

É uma campanha internacional e tem o objetivo de alertar os homens sobre agressões e atitudes machistas que podem desencadear diferentes tipos de agressões ou violências contra mulheres.

A equipe da Coordenadoria de Políticas Publicas para Mulheres, da Prefeitura Municipal de Itajubá, mobilizou os homens Itajubenses a se engajarem no combate a Violência contra as Mulheres, convidando cada um a manifestar seu comprometimento e adesão, colando o bóton da campanha na camisa.

O Laço Branco busca promover igualdade de gênero, relacionamentos saudáveis e uma nova visão da masculinidade.

#CPPMI #CampanhadoLaçoBranco #16DiasDeAtivismo #NãoÀViolênciaContraAsMulheres

- 1º de Dezembro de 2016

Dia Internacional do Combate a AIDS

1 de Dezembro, Dia Internacional do Combate a AIDS, que compõe os 16 Dias De Ativismo De Combate à Violência Contra as Mulheres. À convite do CAP DST/AIDS participamos também da Campanha de Combate a AIDS, na qual qualquer cidadão poderia fazer o teste do HIV. A CPPMI, através da distribuição de cartilhas sobre Violência Doméstica e a Lei Maria da Penha, chama toda a sociedade para erradicar toda e qualquer forma de violência contra as mulheres!

- 25 de Novembro de 2016

Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra a Mulher

O dia 25 de novembro foi declarado Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher, no Primeiro Encontro Feminista da América Latina e Caribe realizado na cidade de Bogotá em 1981, como justa homenagem a “Las Mariposas”, codinome utilizado em atividades clandestinas pelas irmãs Mirabal, heroínas da República Dominicana brutalmente assassinadas em 25 de novembro de 1960.

A data tem o objetivo de alertar a sociedade sobre os casos de violência contra as mulheres, seja ela física, moral, psicológica e sexual. De acordo com as estatísticas, uma em cada três mulheres sofre de violência doméstica e uma mulher sofre agressão sexual a cada 11 minutos no Brasil. Além disso, no mundo todo mulheres são violentadas, mutiladas e assassinadas devido ao preconceito de gênero.

Por isso, essa data é extremamente importante para que possamos refletir sobre as causas dessas violências e traçar metas para erradicá-las e para punir os agressores.

Nessa data, uma Ação realizada pela CPPMI com a parceria da Polícia Militar, em especial a PPVD (Patrulha Preventiva de Violência Doméstica) chamando a atenção da população ao Dia Internacional da Não Violência Contra as Mulheres, distribuindo cartilhas, divulgando o trabalho feito pela Coordenadoria e tirando dúvidas dos transeuntes.

Conclamamos toda a sociedade a erradicar toda forma de opressão, preconceito e discriminação vinculadas a Violência de Gênero!  

A CPPMI Agradece ao Comandante da PM que nos apoiou com a Base Móvel. Agradecemos a presença dos Cabos Éder e Vinícius e da Soldado Tatiana.

Assistente Administrativo Marcia Oliveira, Psicóloga Analucia Meloni Leite e Coordenadora Simone Rocha, da CPPMI / Secretaria de Governo /Prefeitura Municipal de Itajubá.

#CPPMI #PM #PPVD #16DiasDeAtivismo #25DeNovembro #DiaInternacionalDaNãoViolenciaContraAsMulheres

Campanha "16 dias de ativismo"

Em 1991, reunidas pelo Centro de Liderança Global de Mulheres, 23 mulheres de diferentes países lançaram a campanha "16 dias de ativismo", a fim de conscientizar a população sobre a violência de gênero que afeta mulheres no mundo todo. Foi decidido que o período entre 25 de novembro (Dia Internacional Da Não Violência Contra As Mulheres) a 10 de dezembro (Dia Internacional Dos Direitos Humanos) seria reservado para a campanha que hoje é desenvolvida por mais de 130 países incluindo o Brasil.

Aqui no Brasil a campanha teve início em 2003 e foi antecipada para dia 20 de novembro (Dia Nacional da Consciência Negra) de modo a reconhecer também a opressão sofrida pelas mulheres negras que envolve preconceito de gênero, raça e classe.

Assim, a Coordenadoria de Politicas Publicas para Mulheres de Itajubá – MG enaltece a campanha buscando englobar todas as mulheres a fim de combater a violência sofrida por elas através de palestras, eventos, debates e encontros trazer à tona estes problemas e explorar possibilidades de enfrentamento à violência de gênero.

- 16 de Outubro de 2016

1ª ACISO - Ação Cívico Social

No domingo, 16 de outubro de 2016, a equipe da Coordenadoria Municipal de Políticas Publicas para Mulheres, de Itajubá, esteve presente na ACISO, a convite da Polícia Militar. Agradecemos o convite!!

- 11 de Outubro de 2016

Campanha Outubro Rosa

- 22 de Setembro de 2016

Redações "O que você pode fazer para melhorar a vida das mulheres" são entregues a Secretaria de Educação

Redações dos alunos de 5º ano da Rede Municipal, com o tema: "O Que Você Pode Fazer Para Melhorar a Vida das Mulheres", já entregues à Secretaria de Educação e recolhidas pela Coordenadoria de Politicas Publicas para Mulheres, da Cidade de Itajubá, prontas para serem lidas e classificadas! Parabéns às crianças, redigindo-as elas já deram um grande passo para um mundo melhor!

- 23 de Agosto de 2016

Campanha de Redação: "O que você pode fazer para melhorar a vida das mulheres"

A Coordenadoria de Políticas Publicas para Mulheres de Itajubá, lançou hoje a CAMPANHA de REDAÇÃO para as crianças de 5º Ano do Ensino Municipal, com o tema "O QUE VOCÊ PODE FAZER PARA MELHORAR A VIDA DAS MULHERES", um projeto em parceria com a Secretaria de Educação, visando o combate à Violência Doméstica e Familiar. A psicóloga Analucia Meloni Leite proferiu uma breve palestra aos alunos, exibiu alguns vídeos e introduziu a música da campanha "QUEM AMA ABRAÇA", de repercussão nacional. Para ilustrar ainda mais o tema, de forma lúdica e realista, a Coordenadoria encenou um Teatro, já que as crianças foram recebidas no Teatro Municipal Christiane Riêra. #QuemAmaCuida #QuemAmaAbraça #DáCarinho #DáAmor

- 19 de Agosto de 2016

Videoconferência de Capacitação sobre a Violência Sexual às Mulheres

A Coordenadora de Políticas Publicas para Mulheres de Itajubá, Simone Rocha, e a Psicóloga da Coordenadoria, Analucia Meloni Leite lançarão às 700 crianças de Quinto Ano do Ensino Municipal duas importantes campanhas ao combate à Violência Doméstica: * O Concurso de Redação com o título: "O Que Você Pode Fazer Para Melhorar a Vida Das Mulheres" e * A Campanha "Quem Ama Abraça". Que acontecerão no Teatro Municipal Christiane Riêra, nos dias 23 e 25 de Agosto as 9:00.

- 25 de Julho de 2016

Comemoração do Dia da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha

Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres, com a parceria da Comissão da Mulher Advogada e o apoio da OAB Itajubá, comemorou no dia 26 de Julho o Dia da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha. Uma noite de palestras, músicas e poesias. Esse dia é mais do que uma data comemorativa; é um marco internacional da luta e resistência da mulher negra contra a opressão de gênero, o racismo e a exploração de classe. . Foi instituído, em 1992, no I Encontro de Mulheres Afro-Latino-Americanas e Afro-caribenhas, para dar visibilidade e reconhecimento a presença e a luta das mulheres negras nesse continente.

Esta realidade, que manifesta resquícios do período de escravidão, tem sido transformada através da luta e da organização das mulheres negras na América Latina e no Caribe. Apesar de ainda em desvantagem, mais mulheres e, mais mulheres negras estão se inserindo na universidade e no mercado de trabalho, estão conquistando espaços importantes na economia, na sociedade, na política. Essas mulheres estão lutando para transformar a realidade, superar as desigualdades e construir uma nova cultura na sociedade, de combate à opressão de gênero e ao racismo.

Esse encontro tem como missão o início de ações que fortaleçam as políticas públicas de empoderamento das mulheres negras, de conquista da cidadania e de combate a violência e a discriminação. É à partir dele que iniciaremos o tecer de uma trajetória que dê visibilidades às mulheres negras, seus direitos, suas lutas e suas resistências. Mas também visibilizaremos seus cabelos crespos, seus turbantes, suas ancestralidades, suas afrodescendências, suas cores, suas palavras de desordem!

Sendo cenário de expressão de sua cultura e de sua contribuição à História e ao país através da literatura, da arte, da oralidade, da força do axé e do saravá trazidos pelas mulheres negras da umbanda e do candomblé, da organização política, da produção acadêmica, dos cabelos crespos e trançados, das concepções de mundo, da ocupação e atuação e novos espaços.

A noite contou também com a EXPOSIÇÃO DE GRAVURAS DE GIOVANA RODRIGUES: Giovana Rodrigues tem 20 anos, é negra e feminista, além de ser responsável pela administração e ilustrações de sua página no facebook "Mosqueando", que busca inspirar mulheres no caminho do empoderamento. Seus desenhos questionam padrões de beleza estabelecidos pela sociedade e apresenta uma interpretação que ressalta a beleza individual feminina. Mosqueando, nome inspirado em uma música do grupo gaúcho Apanhador Só", a página possui pouco tempo e já se transformou em sucesso na internet. Os desenhos são todos de mulheres e com um enfoque especial nas negras. Nas fotografias elas aparecem com cabelo loiro ou um afro todo pintado de azul, com tatuagens, de biquini e até mesmo como sereias e pessoas de outro planetas. O que importa é fomentar uma discussão sobre os padrões estabelecidos por uma sociedade que teima enxergar as mulheres com um olhar machista e racista. "Meu trabalho é para mulheres negras e fora do padrão de beleza imposto"

- 30 de Junho de 2016

Videoconferência de Capacitação sobre a Violência Sexual às Mulheres

A Assistente Social Lourdes Maria e a Coordenadora Simone Rocha, da Coordenadoria de Políticas Publicas para Mulheres de Itajubá, participaram da Capacitação Violência Sexual às Mulheres, por videoconferência/ Secretaria de Direitos Humanos do Governo do Estado de Minas Gerais.

- 29 de Junho de 2016

4ª Sessão de Filme/ Cine Mulher

 

Encerramos hoje a primeira edição do Cine Mulher, com o Filme Grandes Olhos, na OAB.

Através desse projeto a Coordenadoria de Politicas Publicas para Mulheres de Itajubá, levou às convidadas a realidade da Violência contra a Mulher, muitas vezes ocultada na resignação silenciosa e na tortura psicológica, que estigmatiza a alma em vez do corpo, depreda a autoestima, causando dano emocional e à autodeterminação, implicando em degradação, controle e inclusive cerceamento da expressão de identidade. A Violência Psicológica pode ser tão sutil que às vezes não é reconhecida, e uma vez naturalizada serve como porta para diferentes tipos de violações, inclusive física e moral.

“Ninguém pode machucá-lo sem o seu consentimento" - Eleonor Roosevelt

- 21 de Junho de 2016

3ª Sessão de Filme/ Cine Mulher

Filme Preciosa, mediado pela Psicóloga Ana Maria Menicalli. O Filme foi dividido em três partes, nos quais as participantes puderam construir, auxiliadas pela mediadora, a importância das relações familiares ( independente de como essa família é constituída) na formação do Ser Humano. Agradecemos a parceria com a Comissão da Mulher Advogada - Itajubá/MG e à OAB que nos cedeu gentilmente o auditório.

- 17, 24 e 30 de Junho de 2016

Bate-papo no Ensino Médio sobre Lei Maria da Penha

A Coordenadoria de Politicas Publicas para Mulheres, representada pela psicóloga Analucia Meloni Leite esteve nesses três dias na Escola Estadual Professor Antônio Rodrigues de Oliveira (Polivalente), para levar aos alunos do 1º, 2º e 3º ano do Ensino Médio a Lei Maria da Penha, através de um bate papo sobre Violência Doméstica.

 

- 15 de Junho de 2016

2ª Sessão de Filme/ Cine Mulher

Filme Cinco Graças, mediado pela psicóloga Rosana Oliveira, na OAB. Na sequência, uma roda de conversa entre as pessoas presentes, discutiu temáticas do universo feminino retratadas no filme. Agradecemos a parceria com a Comissão da Mulher Advogada - Itajubá/MG e à OAB que nos cedeu gentilmente o auditório.

- 14 de Junho de 2016

Palestra: Violência Doméstica e Lei Maria da Penha

A Coordenadoria de Políticas Publicas para Mulheres de Itajubá fez uma palestra, proferida pela Psicóloga Analucia Meloni Leite, sobre Violência Doméstica e Lei Maria da Penha. Estiveram presentes também os Policiais Militares Sargento Vera e Cabo Raimundo, falando sobre a prática da Patrulha Preventiva de Violência Doméstica na Cidade. Uma iniciativa do Coletivo Feminino das Minas/ UNIFEI e do DCE/ UNIFEI.

 

- 10 de Junho de 2016

Entrevista na Rádio Panorama FM

A equipe da Coordenadoria de Políticas Publicas para Mulheres de Itajubá esteve na Radio Panorama FM, no programa Conexão Itajubá em entrevista ao Octávio Scofano para falarem sobre violência doméstica, caracterizada não só pelas agressões físicas ou psicológicas praticadas em meio doméstico, ocorridas onde hajam relações de afeto e vínculos afetivos envolvidos. E que não se limita à relação marido-mulher, também pode acontecer entre filhos e mãe, pai e filhas, namorados ou noivos.

- 08 de Junho de 2016

1ª Sessão de Filme / Cine Mulher

Filme: O Sonho de Wadjda, mediado pela Psicóloga Fabiana Sene, na OAB. Seguida uma roda de conversa "alimentada" por situações ocorridas no filme e que estão presentes na vida de muitas mulheres. Agradecemos a parceria com a Comissão da Mulher Advogada - Itajubá/MG e à OAB que nos cedeu gentilmente o auditório.


1 - Notícias de 2016
2 - Notícias de 2015
3 - Notícias de 2014
4 - Notícias de 2013

 

 

 

Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres de Itajubá

Sobre a Secretaria

Ações da CPPMI

Contato