Profissionais da área da Saúde participam de curso sobre constelação familiar

Publicado por SECOM em: 03/08/2018


Cuidar de quem cuida a partir do olhar sistêmico. Este é o nome do curso que iniciou, em Itajubá, no dia 25 de julho. Trata-se de uma capacitação para os funcionários da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA) da Prefeitura de Itajubá, e terá a duração de seis meses, com um encontro por mês.

A proposta é cuidar dos profissionais que cuidam da Saúde da população itajubense, oferecendo suporte sistêmico com teoria e vivência pela facilitadora, professora doutora Rubia de Oliveira Vasques. O olhar sistêmico, segundo a professora, é quando cada um de nós olha para o outro a partir de seu sistema familiar. Aquilo que ele apresenta como problema, na verdade é uma oportunidade de cura não apenas para a pessoa, mas para todo o grupo familiar. É possível identificar padrões de comportamento repetitivos, que segundo este olhar é descrito como fidelidade sistêmica.

Itajubá já tem experimentado o movimento sistêmico desde 2016, quando o Ministério Público de Itajubá, por meio do promotor Elkio Uehara, promoveu encontros com a constelação familiar para os casos atendidos no MP. Na ocasião, foram convidados a participar vários setores públicos como Saúde e Educação, para conhecer como o olhar sistêmico pode ser utilizado na resolução de conflitos. O olhar sistêmico se baseia em quatro leis: Sim à vida como é, Todos pertencem, Hierarquia e Equilíbrio entre dar e receber.

O secretário municipal de Saúde, Nilo César do Vale Baracho e a secretária adjunta, Maria Goretti Ferreira Parada Oliveira participaram destes encontros realizados no MP. Assim, nasceu a ideia de trazer este olhar sistêmico de forma mais efetiva para a população em geral. Esta capacitação não irá formar consteladores familiares, mas irá cuidar dos profissionais da Saúde, e em um segundo momento, irá capacitá-los para que apreendam este olhar sistêmico por meio das vivências, para que tenham este mesma compreensão quando forem realizar os atendimentos à população.

A capacitação é inédita na rede pública de Saúde e esta primeira turma reúne 15 profissionais da Atenção Básica. Novas turmas serão estruturadas para atender a todos os profissionais.


Curso está sendo realizado no Teatro Municipal Christiane Riera

A proposta é cuidar dos profissionais que cuidam da Saúde da população itajubense, oferecendo suporte sistêmico com teoria e vivência pela facilitadora, professora doutora Rubia de Oliveira Vasques

A capacitação é inédita na rede pública de Saúde e esta primeira turma reúne 15 profissionais da Atenção Básica