200 anos de Itajubá: Conheça a história do município

Publicado por SECOM em: 14/02/2019


A Viação Férrea do Sapucaí, aberta como Estrada de Ferro do Sapucaí em 1887, inaugurou o primeiro trecho de linha até Itajubá em 1891, partindo de Soledade, na Estrada de Ferro Minas e Rio. Passou então a ser chamada de Estrada de Ferro de Itajubá.

Incorporada pela Rede Mineira de Viação, a partir de 1910, passaram a sair dali os trens para o ramal de Paraisópolis (cuja linha se bifurcava na estação seguinte, Piranguinho) e, em 1927, a linha e os trens do ramal de Delfim Moreira passaram a sair também da estação de Itajubá.Esses dois ramais foram fechados respectivamente em 1964 e 1961. Pela estação ainda passaram trens de passageiros até 1873, e a linha foi finalmente retirada em 1986.

A estrada de ferro proporcionou grande conforto aos viajantes e considerável progressos à região, pois favoreceu o transporte rápido de cargas. Com isso, investidores industriais e comerciais se estabeleceram na em Itajubá. Quando foi desativada, deu lugar a avenida dos Ferroviários, mais conhecida como Sambódromo. A sede da estrada de ferro foi transformada no Museu Municipal Wenceslau Braz, localizado entre os bairros Boa Vista e Morro Chic.