Minas Consciente: Itajubá estará na “onda vermelha” de 27 de fevereiro a 5 de março

Covid-19: Prefeitura fiscaliza cumprimento de novo decreto e orienta comerciantes
fevereiro 25, 2021
Covid-19: Prefeitura higieniza espaços públicos para conter avanço do coronavírus
fevereiro 25, 2021

Minas Consciente: Itajubá estará na “onda vermelha” de 27 de fevereiro a 5 de março

Print Friendly, PDF & Email

Prefeitura já estabelece medidas mais restritivas desde a última terça-feira, 23 de fevereiro

Itajubá foi classificada na “onda vermelha” do Programa Minas Consciente pelo Governo do Estado. A classificação feita semanalmente, todas as quintas-feiras, pelo Governo do Estado, terá validade para o período de 27 de fevereiro a 5 de março.

No entanto, a Prefeitura de Itajubá antecipou a aplicação de medidas mais restritivas no município ao publicar o decreto nº 8321/2021 na última terça-feira, 23 de fevereiro.

A ação foi necessária devido ao aumento significativo de casos suspeitos e confirmados de Covid-19 na cidade e a crescente ocupação de leitos disponíveis na rede hospitalar, motivos que determinaram também a classificação do município na onda mais restritiva do Programa.

Independente da classificação, o decreto assinado pelo Prefeito Christian Gonçalves estabelece, entre outra regras, as seguintes exigências aos estabelecimentos comerciais:

  • Distância mínima linear de 3 metros entre um cliente e outro;
  • Uso obrigatório de máscaras;
  • Limite de um cliente a cada 10 m² (dez metros quadrados);
  • Higienização correta das mãos e das superfícies de contato;
  • Atendimento presencial em bares e estabelecimentos similares permitido somente até 22h (após este horário, funcionamento em sistema de delivery);
  • Ocupação máxima de 50% nos hoteis;
  • Realização de eventos somente com até 30 (trinta) pessoas.

O decreto têm validade até o dia 8 de março, data em que será revisto. Leia na íntegra, CLICANDO AQUI.

Saiba mais sobre o Programa Minas Consciente. Acesse: https://www.mg.gov.br/minasconsciente/transparencia.

 

 

Os comentários estão encerrados.