Momento do Servidor: Giovani Vinicios Raponi fala sobre o Departamento de Licitação

Festival Itajubense de Foguetes d’Água: Alunos das escolas municipais confeccionam foguetes no Teatro Municipal
agosto 13, 2019
Alunos das escolas municipais lançam Foguetes d’Água no Parque da Cidade
agosto 14, 2019

Momento do Servidor: Giovani Vinicios Raponi fala sobre o Departamento de Licitação

Print Friendly, PDF & Email

A busca da excelência nos processos de trabalho, a qualidade no atendimento ao cidadão e a valorização do servidor público municipal estão entre as premissas da atual Administração da Prefeitura de Itajubá. Para valorizar ainda mais o trabalho desses profissionais, a Prefeitura lançou o Momento do Servidor, que hoje apresenta Giovani Vinicios Raponi, diretor do Departamento de Licitação da Secretaria Municipal e Planejamento da Prefeitura de Itajubá.

Licitação é um conjunto de procedimentos administrativos que busca escolher qual proposta é mais vantajosa para os órgãos públicos, tanto em qualidade como em preço. Na licitação são feitos contratos de compras e serviços, dando a oportunidade para apresentar propostas ao maior número de empresas ou pessoas possível, possibilitando ampla participação de todos. E no município de Itajubá o Departamento de Licitação é coordenado por Giovani.

Giovani é natural de Itajubá e cursou Mecânica pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), concluído em 1987. Em 1989, aperfeiçoou-se na área técnica de Mecânica pelo Colégio de Itajubá. Trabalhou na Secretaria Municipal de Informática da Prefeitura de Itajubá como operador de computador. Em seguida, passou a atuar na Secretaria Municipal de Administração, no Departamento de Recursos Humanos. Há 1o anos está à frente do Departamento de Licitação. Ao todo, são 27 anos trabalhando como servidor público da Prefeitura. Sua rotina é composta por muita demanda: “Além de fazermos as licitações, controlamos os contratos e renovações de ambos”, diz Giovani.

O Departamento de Licitação é responsável pelas compras do município de Itajubá. Atualmente composto por oito profissionais especializados na área. “A licitação é um processo que deve ser aberto a todas as pessoas e empresas, e o tratamento aos interessados em fornecer seus produtos ou serviço para a Prefeitura deve ser igualitário”, explica Giovani.

O processo de licitação é feito através de solicitação de cada secretaria, onde passa pelo Departamento de Compras, até chegar ao Departamento de Licitação, que são desenvolvidos os editais para a divulgação. “Em uma licitação, todos os critérios de decisão devem estar previamente detalhados e estabelecidos no edital, um documento que determina todos esses pontos. Isso ocorre para que não haja possibilidades de interpretações dúbias durante o processo”, ressalta o diretor.

Atualmente, as modalidades de licitação previstas em lei são: Concorrência, Tomada de Preços, Convite, Concurso, Leilão e, por último, Pregão. Cada uma dessas modalidades serve a objetivos específicos de um processo de compra pública. No momento de abrir uma licitação, essas modalidades são definidas principalmente pelo valor da compra. Ou seja, a cada limite de valor, um tipo de modalidade diferente. Segundo o diretor do Departamento de Licitação, a economia é um dos princípios da gestão pública e o objetivo final da licitação. Ganha a empresa que oferece as opções mais vantajosas para a Administração, com a melhor qualidade e o menor preço.

Acompanhe as ações e informações da Prefeitura pelas redes sociais.

 

Os comentários estão encerrados.