MICRORREGIÃO DE ITAJUBÁ AVANÇA PARA A “ONDA AMARELA” DO PLANO MINAS CONSCIENTE